domingo, 20 de julho de 2008

Remodelação do sistema educativo

A remodelação que proponho antes de mais teria em conta o orçamento existente, mas teria como objectivo a selectividade e nunca a massificação, mas também um bom acompanhamento e a reabilitação.

Niveis escolares:

Ensino normal - do 1º ciclo ao secundário o que inclui também os cursos profissionais como alternativa no secundário
Ensino avançado - para alunos com aprendizagem acima da média
Ensino especial - para alunos com dificuldades de aprendizagem
Ensino recorrente - para adultos
Ensino militar para reabilitação - para alunos problemáticos do ponto de vista social

O ensino normal teria ainda inseridas novas disciplinas:

-2 línguas estrangeiras obrigatórias, sendo estas seleccionáveis pelo próprio entre: inglês, alemão, francês, espanhol, mandarim, russo ou árabe.

-Saúde Pública: disciplina que faria alusão aos principais problemas de saúde nacional, bem como os seus métodos de prevenção e tratamento. Ex: drogas, sexualidade, dst's, obesidade, poluição etc

-Educação física obrigatória até ao ensino superior, todos os alunos estariam obrigados à prática de desporto. Caberia a cada escola definir os desportos disponíveis mediante as suas condições.

Classificação por exame no final de cada ciclo, assim haveriam exames nacionais a todas as disciplinas:

4º ano
6º ano
9º ano
12º ano ou equivalentes
Licenciatura - compreenderia apenas um exame final de âmbito geral sobre as cadeiras estruturais do curso.

Futura implementação de um novo sistema de avaliação, a nota mínima para obtenção de positiva seria alcançar 75% das questões correctas nos testes. Por isso a nota mínima iria fixar-se em 14.5 valores.

O acesso ao ensino superior teria em conta as actividades extra-curriculares do individuo e um exame médico de toxicologia para excluir candidatos que acusassem de forma positiva drogas ou excessivos níveis de álcool no organismo, bem como infectados com doenças infecto-contagiosas.

Actos de indisciplina ou incumprimento dos padrões estipulados pela organização escolar, deixariam de ser encobertos e passariam a ter punição directa sobre o estudante, para que não mais se voltem a repetir episódios infelizes como ocorrem actualmente (violações, angariação de indivíduos para prática de prostituição, aliciamento para toma de qualquer tipo de drogas legais ou ilegais, bullying e violência escolar).
Caso do individuo ser inimputável aos olhos da lei, os pais seriam julgados pelos crimes e directamente condenados.

Fiscalização de todas as unidades escolares desde a pré-escolar ao grau superior, para eliminação de fraudes, tráfico de influências, desvio de $, encobrimento, falhas estruturais, de segurança, saúde e higiene.

Prospecção de mercado seguindo-se o encerramento ou congelamento de cursos sem quaisquer perspectivas no mercado nacional ou cujo o fluxo da procura no mercado seja vastamente superior em relação à oferta. (seria o caso de cursos ligados à educação, direito e saúde)

Sem comentários: